segunda-feira, 19 de novembro de 2012

SPFW Parte 3


Luz foi uma das inspiração de Glória Coelho, contando também com obras da pintora russa Sonia Delaunay, e de suas imagens via o hit do momento o "Instagram", a coleção veio com um ar de androginia, com calças, camisas e jaquetas em shapes secos e muitos recortes com uma variedade de materiais. Tivemos também a presença de vestidos leves em uma riqueza de formas e transparências, a presença foi de tons variados desde, nude, vermelho, verde, cinza, marinho até chegar no tão famoso preto.
Luz, Instagram e obras de arte foram as inspirações de Glória Coelho

Flores e flores Alexandre Herchcovitch trouxe à passarela, com muita elegância e sofisticação em peças com construções incomparáveis,  trabalhou muito na elaboração de vestidos camisas, saias volumosas. As flores aparecem em formas e volumes deslocados, como se pétalas brotassem dos vestidos, sendo a maioria das roupas lisas, alguns listrados mais o principal fica pelas estampas florais com ar moderno, temos cores desde vermelho, magenta, verde, nude e alguns pontos de preto.
Cores, delicadeza, flores foram a marca de Alexandre Herchcovitch

Simples com inspiração no comportamento das pessoas e na Swinging London dos anos 60 essa foi a cara da Maria Garcia no inverno 2013, trazendo uma coleção colorida para o inverno,  junto a isso estampas florais e de bichos camuflados, com shapes justos ao corpo e cintura um pouco fora do lugar, na cartela de cores tivemos cores alegres como, vermelho,  bordo, verde, laranja e pontos de cinza.

Alegria das cores, simplicidade é como podemos definir a coleção de Maria Garcia.


Silêncio, deserto do silêncio no México e o livro "Eram os Deuses Astronautas foram pontos de referência na coleção de Vitorino Campos, trazendo uma modelagem vamos dizer assim até que inovadora para o padrão de moda brasileira, com formas retas, cinturas levemente marcadas e volumes nas mangas com misturas de estruturas, materiais de acabamentos e forros. As cores ficaram leves em tons de areia, prata, vermelho, dourado com uma mistura de padronagens de listras que resultou em um espetáculo.

Formas, brilhos e texturas garantiram um belo resultado na coleção de Vitorino Campos

Se eu fosse Maria Carolina? esse foi o tema de R. Rosner, pensando como se tivesse nascido mulher ele criou peças que vestiria se fosse uma garota, e peças totalmente lindas e luxuosas. Trazendo peças como, vestidos, camisas, calças totalmente bordados com cristais, que na passarela deram um efeito sensacional fora e beleza. Definindo a coleção como sendo simples em formas com ares de menininha.

Menina, luxo, brilhos e elegância foi o que R. Rosner propôs  


É brasileira a Forum, trouxe para o inverno uma evolução de seu verão, teve uma parceria com o ilustrador Felipe Jardim, trazendo desenhos de palmeiras, cocos e folhagens resultando em uma coleção super tropical. Mostrou uma modelagem ampla principalmente em seus casacos, mas com vestidos amplos e fluidos ao mesmo tempo, aliados e estampas super arrojadas com cores como, vermelho, rosa, branco e off-white.


Estampas, palmeiras e cores pontos principais da Forum

E para fechar temos o grande e deslumbrante desfile de Reinaldo Lourenço que teve inspiração na região da Andaluzia e fotografia de Ruven Afanador "O moto / toureiro", essa coleção veio baseado no universo de motocross, a alfaiataria é o principal ponto com detalhes em couro nas golas, ombros e cintura. Contando também com a beleza dos arabescos aplicados sobre diferentes materiais uma referência a região árabe, bordados são pontos altos de sua coleção principalmente os em tule. Transmitindo uma coleção tão delicada, rica em detalhes e formas, a cartela de cores ficou por conta de cores como, preto, laranja, vermelho, off-white, fucsia e areia e com muita força do couro vazado.


Mundo do motocross, arabescos e couro vazado foram o espetáculo de Reinaldo Lourenço

Beijos Marcelo


Nenhum comentário:

Postar um comentário