segunda-feira, 24 de junho de 2013

Música


Hoje vou sair um pouco do foco de moda e vou falar de uma  paixão: a música. Não sei viver ser, faz parte do meu dia-a-dia, e acredito que é essencial na vida de todos. Sempre estou escutando um sonzinho pra alegrar ou distrair, e buscando novas bandas e músicas inspiradoras. 
A dica de hoje são dois álbuns que são amor puro!

The XX

Me apaixonei a primeira melodia que escutei na transmissão do Coachella desse ano, e fui pesquisar mais e bingo o som é magnifico. The XX é uma banda indie, formada pelos britânicos Romy Madley Croft (vocal e guitarra), Oliver Sim (vocal e baixo), Jamie Smith (beats e produção) e a tecladista Baria Qureshi - que não faz mais parte do grupo.



Em 2009 ganharam destaque na NME entre os novos e promissores grupos britânicos, lançaram seu primeiro álbum no mesmo ano chamado de XX, com músicas sensacionais e melodias lindas, destaque para Crystalised, Shelter, Infinity, Night Time. Som minimalista e com um toque intimista.

Em 2012 três anos depois lançam seu segundo álbum chamado de Coexist, sendo um marco do amadurecimento da banda, com novas referências musicas sendo quase um eletrônico dançante. Sem perder a essência de seu primeiro trabalho, acrescentando uma variedade de novas possibilidades no novo disco, criando um trabalho inspirador, hipnotizante quase mágico que te faz viajar,com o poder de transmitir sensações boas. Nesse álbum destaco Angels, Sunset, Reunion, Fiction uma música que gosto bastante é Do You Mind (que não faz parte de nenhum álbum).

Crystalised

Shelter

Fiction

Angels

Coeur de Pirate

Amor puro! Não tem como não se apaixonar pelo som da linda canadense Béatrice Martin, lançou seu primeiro álbum em 2009 chamado de Coeur de Pirate que também é sua nome artístico.



Em 2011 lançou seu segundo álbum chamado de Blonde sendo um álbum emocionante, com músicas que falam de sentimento, mas que mostram seu amadurecimento no cenário musical. É uma nova visão de amor com quê de melancolia, possuindo melodias lindas, em uma entrevista Béatrice define seu álbum como sendo de relacionamentos onde todas as experiências estão expressas nas letras.

Blonde se torna sua grande afirmação no meio musical, mostrando seu crescimento e saindo de sua zona de conforto sem medo de ariscar. O álbum também faz referência ao pop francês dos anos 60, sendo um som de amor e melancolia ao mesmo tempo que conquista qualquer um. Na lista de amor temos Place de la Republique, Adieu, Les Amours d vos Es, Cap Diamant e Prince Arthur.


Place de la Republique

Cap Diamant

Francis

Adieu

Espero que gostem dos sons, e escolham a trilha da semana.
Beijos Marcelo

Um comentário:

  1. Melhor postagem da vida! The XX e a Coeur são amorzinhos demais, é pra estar no coração de todo mundo, pfvr <3

    ResponderExcluir