quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Cauterização capilar caseira.

Olá Moderninhos!
               
                Todo mundo sabe do meu amor pelo Bepantol, certo? Bom, é impossível não amar um produto simples, pratico, com mil e uma utilidades, barato e com fácil acesso.
Encontrado, geralmente, em farmácias comuns, o Bepantol se tornou o xodó das mulheres no mundo da beleza. O motivo para tudo isso? Simples, ele tem propriedades altamente hidratantes e pode ser usado na pele, rosto, unhas e nos cabelos... (Como não amar, me diz?!).
E devido a esse meu amor, eu quero compartilhar uma receita simples, barata e caseira, para cuidar dos seus cabelos, a famosa, cauterização.

Mas antes de tudo isso, vocês sabem o que é uma cauterização capilar?

Cabelos que contem procedimentos químicos, ou qualquer agente maléfico de outra espécie, se tornam danificados, extremamente ressecados, quebradiços e com aspecto espigado e para reverter este quadro, o tratamento mais usado pelos cabeleireiros é a cauterização capilar.
A cauterização capilar é basicamente a mesma coisa que a selagem térmica, ela busca reconstruir os fios, por meio da reposição de queratina e uma fonte de calor, que fecha e cauteriza as cutículas dos fios. Dessa forma, o cabelo volta a ter brilho e maciez, durante algum tempo. Esse procedimento deve ser repetido mensalmente, principalmente se você faz uso de produtos químicos nos cabelos.


Cauterização Caseira

Essa cauterização é possível de se fazer em casa e usando o Bepantol. Se os fios estiverem bastante danificados e fragilizados, é indicado que se repita o procedimento, uma vez ao mês.
Mas, se o seu cabelo for “natural”, ele também pode se beneficiar com esta receita, sendo necessário repetir o procedimento apenas a cada dois meses ou mais.

Ingredientes:

  • 15 ml de Bepantol líquido (não pode ser a pomada);
  • 10 ml de queratina líquida;
  • 5 ml de finalizador, com proteção térmica.




Como fazer:

Ø  Em primeiro lugar, deve-se lavar o cabelo com um shampoo de limpeza profunda, isso ira limpa-los e abrir as cutículas dos fios, o que fará com que a receita penetre melhor nos fios. Se por um acaso você não possuir este produto (o que é bem normal) lave com um shampoo transparente. Os cabelos que possuem tonalizantes não podem ser lavados com este produto;
Ø  Em segundo lugar, retire o excesso de água com uma toalha;
Ø  Terceiro, misture os ingredientes e aplique-os nos cabelos úmidos, dividindo os fios em mechas e aplicando uma a uma, massageando-as, de cima para baixo, inúmeras vezes;
Ø  Quarto lugar, aguarde por 15 ou 20 minutos e seque bem, usando um secador (o produto deverá permanecer nos fios);
Ø  Quinto lugar, quando o cabelo já estiver bem seco, você deve utilizar a chapinha, para completar a cauterização. Separe, novamente, os cabelos em mechas e passe a prancha 4 ou 5 vezes em cada uma.

Após esses passos, os cabelos não deverão ser lavados dentro de 48 horas. Isso é totalmente necessário, para que o produto faça efeito. Passado esse tempo, é recomendado lavar os fios com shampoo e condicionador normal, desde que sejam específicos para o seu tipo de cabelo. Evite lava-los com antirresiduos.


A dica é simples, mas eu garanto que vale a pena!


Beijinhos, Camila

Nenhum comentário:

Postar um comentário